27 de set de 2010

Patrocinado por eles, mas não aguentou e reclamou.

@ClaroRonaldo mostra porque não é qualquer um que pode representar uma marca.

Na penúltima sexta-feira (17) o garoto propaganda da Claro no Twitter, o jogador Ronaldo, mostrou com essa tuitada porque as empresas devem cuidar de quem tem o controle sobre as suas contas.

Aparentemente Ronaldo estava insatisfeito com o serviço oferecido pela empresa de telecomunicações e resolveu xingar muito no Twitter. Até aqui tudo bem, afinal, o objetivo da ferramenta e saber o que a pessoa esta fazendo e já é comum ver as pessoas usando a ferramenta para mostrarem a sua insatisfação com serviços e produtos, o problema da revolta do atual astro do Corinthians é que ele é patrocinado pela empresa e atualmente mantém o perfil que vincula seu nome diretamente a empresa, @ClaroRonaldo.

Tuitada do Ronaldo

O uso de celebridades na publicidade sempre foi um assunto que levantou muita discussão e a estratégia adotada para popularizar o perfil da Claro no Twitter, apesar de interessante, abriu o mesmo leque de problemas que vemos quando as empresas optam pelo uso de celebridades em seus comerciais.

A questão aqui não é julgar a estratégia adotada pela empresa, apenas alertar as empresas de que vincular os seus nomes a de outras empresas, marcas e celebridades deve ser uma estratégia bem elaborada, sendo no universo físico e/ou digital.

Dennis Altermann | 20 de setembro de 2010

Nenhum comentário:

Postar um comentário