31 de jul de 2010

Mudança nas viagens internacionais. Agora fica mais fácil trazer algo "pessoal".

A partir de segunda-feira, celulares, câmeras e relógios estarão isentos de tarifação para viajantes


A partir de segunda-feira, dia 2, a pessoa que trouxer do exterior um telefone celular, relógio de pulso ou máquina fotográfica não precisá mais declará-lo à Receita Federal ao retornar ao país. Os objetos entram agora para a lista de “bens de uso pessoal”, isentos de imposto.

Entram na lista também baterias e acessórios em quantidades compatíveis, carrinhos de bebê e equipamentos de deslocamento como cadeiras de rodas, muletas e andadores, assim como roupas e adornos pessoais e produtos de higiene e beleza.

A nova lei será publicada no “Diário Oficial da União” nos próximos dias.

Vale notar que produtos como notebooks e filmadoras terão de ser declarados e entram para a cota, limitada a US$500 para quem vier através de um transporte aéreo ou marítimo.

Lucas Flávio | 31/07/2010 | 16h30



Nenhum comentário:

Postar um comentário