8 de jul de 2010

Dados do boletim de Indicadores Industriais divulgado pela Confederação Nacional da Indústria (CNI).

Setor de produtos de metal apresenta maiores taxas de crescimento em maio

Brasília – O segmento de produtos de metal apresentou em maio as maiores taxas de crescimento no faturamento, em relação a maio de 2009, com 36,6%.  O número de horas trabalhadas aumentou 24%. Os dados são do boletim Indicadores Industriais, divulgado hoje (8) pela Confederação Nacional da Indústria (CNI).

O uso da capacidade instalada no setor cresceu no mês 5,1% em relação a maio do ano passado. O emprego teve expansão de 15,3% e a massa salarial real de 15,8%.

O setor de material eletrônico e de comunicação vem em seguida, com aumento no faturamento, em relação a maio de 2009, de 36,4% e crescimento de 1,4% em horas trabalhadas. O uso da capacidade instalada no setor da indústria de transformação subiu 3,8 pontos percentuais em relação ao mesmo periodo do ano anterior, tendo a massa salarial real aumentado 11,5%.

A área de máquinas e materiais elétricos registrou crescimento de 18,3% no faturamento em maio, comparada ao mesmo mês de 2009, as horas trabalhadas aumentaram 23,7% e o uso da capacidade instalada, 3,9 pontos percentuais. O emprego avançou 8,8% e a massa salarial teve alta de 9%.

O crescimento da indústria automobilistica foi de 23% no faturamento e de 19% nas horas trabalhadas. O uso da capacidade instalada aumentou 7%. O emprego registrou elevação de 6,9% e a massa salarial real de 13,2% em relaçao a maio de 2009.

Edição: Graça Adjuto

Lourenço Canuto | Agência Brasil | 08/07/2010 - 11:26



Nenhum comentário:

Postar um comentário